EDUCANTINHO

Para ensinar e aprender

O MOVIMENTO NA ROTINA DA EDUCAÇÃO INFANTIL

em 14 de janeiro de 2012

= ^ . ^= PROJETO MEXE-MEXE QUE É BOM = ^. ^=

PREFÁCIO

 O PRESENTE TRABALHO JUSTIFICA-SE NA NECESSIDADE DE INSERIR A PRÁTICA DO MOVIMENTO NA ROTINA DAS CRIANÇAS, A FIM DE DESENVOLVER AS CAPACIDADES DE NÍVEL AFETIVO, SOCIAL, MOTOR E COGNITIVO  ENVOLVENDO ATIVIDADES PRAZEROSAS ONDE AS CRIANÇAS  POSSAM SE DIVERTIR E AO MESMO TEMPO APRENDER E DESENVOLVER-SE FAZENDO O QUE MAIS GOSTAM: “BRINCAR”.

PRETENDE-SE EXECUTAR AS ATIVIDADES PROPOSTAS A FIM QUE ADQUIRAM NOVAS HABILIDADES MOTORAS   E APRENDERAM A RELACIONAR-SE E RESPEITAR OS LIMITES DO SEU PRÓPRIO CORPO.

AS ATIVIDADES TAMBÉM PODEM DAR ORIGEM A NOVOS  APRENDIZADOS NÃO PLANEJADOS , DANDO ORIGEM A NOVOS TEMAS A SEREM DISCUTIDOS Á PARTIR DA SENSIBILIDADE DAS PRÓPRIAS CRIANÇAS SOBRE DETERMINADA SITUAÇÃO.

JUSTIFICATIVA

A Educação Infantil é grande responsável pelo desenvolvimento integral da criança, tendo a função de envolvê-la no seu processo de descobertas, construção e busca pelo conhecimento, o que se dá significativamente através do lúdico, oferecendo a ela preparação para a vida, liberdade de ação e realização simbólica.

Nesse sentido esse projeto fundamenta-se nos objetivos explicitados no Referencial Curricular para Educação Infantil relacionados á prática do movimento, onde serão pertinentes atividades lúdicas que permitam desenvolver as potencialidades de ordem expressiva, motora, afetiva e cognitiva.

As brincadeiras que compõem o repertório infantil e que variam conforme a cultura regional apresentam-se como oportunidades privilegiadas para desenvolver habilidades no plano motor, como empinar pipas, jogar bolinhas de gude atirar com estilingue, pular amarelinha etc. (BRASIL, 1998)

Para isso desenvolvi com as crianças jogos e brincadeiras, que envolveram correr, subir, descer, escorregar, pendurar-se, movimentar-se, dançar etc. Além da confecção de brinquedos de sucata, oficinas de brinquedos, músicas que levaram os alunos a explorar e conhecer mais seu corpo, seus movimentos, seus limites, diferentes culturas, além de trabalhar paralelamente hábitos que levam á qualidade de vida tais como: praticar exercícios.


OBJETIVOS

  • Levar as crianças a explorar o espaço por meio de atividades que possibilitem arrastar-se, engatinhar, rolar, andar, correr, saltar etc.;
  • Desenvolver o equilíbrio, a coordenação motora grossa e fina e a lateralidade;
  • Ampliar gradualmente o conhecimento e controle sobre o corpo e o movimento;
  • Estimular o hábito da prática de exercícios físicos que levem à qualidade de vida.

ESTRATÉGIAS

  • Resgatar a memória dos jogos e brincadeiras que fizeram parte da infância dos pais;
  • Levantar os jogos e brincadeiras preferidos das crianças e da turma;
  • Rodas de conversa sobre brincadeiras de meninos e de meninas (podemos brincar juntos?);
  • Confeccionar um livro de jogos e brincadeiras á partir das preferências;
  • Jogos cooperativos;
  • Confeccão de brinquedos;
  • Brincar de pega-pega, esconde-esconde, pular corda, bambolê,etc.;
  • Percursos;
  • Rodas de conversa;
  • Cartaz sobre alimentação saudável;
  • Caixa surpresa com alimentos saudáveis (enviados pelos pais).
  • Atividades livres que possibilitem movimentar-se.
EXEMPLOS DE JOGOS COOPERATIVOS
1-)PEGA-PEGA BARATINHA
OBJETIVO: 
DESENVOLVER A ATITUDE COOPERATIVA E O RESPEITO POR REGRAS PRÉ ESTABELECIDAS, ALÉM DE ESTIMULAR O MOVIMENTO CORPORAL DE MANEIRA A PROPORCIONAR O PRAZER DE BRINCAR.
DESENVOLVIMENTO:
ESSA BRINCABEIRA É SEMELHANTE AO PEGA-PEGA TRADICIONAL, PORÉM QUANDO ALGUMACRIANÇA É PEGA ELA VIRA “BARATINHA” E DEVE DEITAR-SE NO CHÃO  IMITANDO O MOVIMENTO DA BARATA DE BARRIGA PARA CIMA, ENTÃO,  UMA OUTRA CRIANÇA, APELIDADA POR NÓS DE “FADINHA” DEVE SALVAR OS AMIGOS VIRANDO-OS PARA QUE CONTINUEM NA BRINCADEIRA.
***O DIFERENCIAL DESSA BRINCADEIRA É QUE ELA NÃO TEM UM CUNHO COMPETITIVO E SIM COOPERATIVO, ONDE TODOS PARTICIPAM E SE DIVERTEM.
PARA VARIAÇÃO DESSA BRINCADEIRA AO INVÉS DA “FADINHA” SALVAR AS “BARATINHAS” TODOS PODEM SALVAR OS AMIGOS.
2-) PERCURSO ADAPTADO:
CONTEÚDOS CONCEITUAIS:
• COORDENAÇÃO MOTORA, LATERALIDADE E EQUILÍBRIO.
CONTEÚDOS PROCEDIMENTAIS:
• SUBIR, DESCER, ULTRAPASSAR OBSTÁCULOS E ENGATINHAR.
CONTEÚDOS ATITUDINAIS:
• RESPEITO AO ESPAÇO DO OUTRO, COOPERAÇÃO E CONHECIMENTO DOS LIMITES DO PRÓPRIO CORPO.
METODOLOGIA:
1° ETAPA: EXPLICAR SOBRE CADA ETAPA DA ATIVIDADE QUE SERÁ REALIZADA E FAZER COMBINADOS COM A TURMA (ESPERAR A VEZ, NÃO EMPURRAR, ETC.)
2° ETAPA: REALIZAR  AQUECIMENTO ANTES DE INICIAR A ATIVIDADE
3° ETAPA: EXECUÇÃO DO PERCURSO PELAS CRIANÇAS (ESSA DEVERÁ SER OBSERVADA PELO PROFESSOR PARA QUE POSSA REALIZAR AS INTERVENÇÕES NECESSÁRIAS)
4° ETAPA: PROPOR QUE AS CRIANÇAS REGISTREM O PERCURSO ATRAVÉS DE DESENHOS
5° ETAPA: AVALIAÇÃO: PEDIR QUE AS CRIANÇAS FALEM  SOBRE ATIVIDADE PROPOSTA, EXPONDO O QUE GOSTARAM, SUAS DIFICULDADES, ETC.
3-) DANÇA DA CADEIRA COOPERATIVA:
OBJETIVO: SUBSIDIAR MANEIRAS CRIATIVAS DE BRINCAR E APRENDER GERANDO ATITUDES COMO COOPERAÇÃO, SOLIDARIEDADE E CUIDADO COM O PRÓXIMO.
DESENVOLVIMENTO: PRIMEIRAMENTE É INTERESSANTE REALIZAR A BRINCADEIRA DA DANÇA DA CADEIRA CONVENCIONAL JÁ CONHECIDA PELAS CRIANÇAS, DEIXANDO QUE BRINQUEM LIVREMENTE FAZENDO INTERVENÇÕES SOMENTE QUANDO NECESSÁRIO.
NUM SEGUNDO MOMENTO EXPLIQUE ÁS CRIANÇAS QUE FARÃO A BRINCADEIRA DE UM MODO DIFERENTE, SENDO QUE QUANDO A MÚSICA PARAR AO INVÉS DAS CRIANÇAS SAÍREM DA BRINCADEIRA SOMENTE AS CADEIRAS SAIRÃO, ENTÃO, JUNTAS DEVERÃO DESCOBRIR UMA MANEIRA DE TODAS SE SENTAREM. SE FOREM MUITAS CRIANÇAS NÃO SERÁ POSSÍVEL IR ATÉ A ÚLTIMA CADEIRA PARA QUE NÃO SE MACHUQUEM, MAS O IMPORTANTE É QUE O PROFESSOR VALORIZE AS SOLUÇÕES PROPOSTAS POR ELAS.
AVALIAÇÃO: FAZER UMA RODA DE CONVERSA E OUVIR A OPINIÃO DAS CRIANÇAS SOBRE AS DUAS BRINCADEIRAS OUVINDO SUAS PREFERÊNCIAS E VALORES INTERNALIZADOS.
VARIAÇÃO: AS CADEIRAS PODEM SER SUBSTITUÍDAS POR JORNAIS OU FOLHAS DE REVISTAS.
ESSE PROJETO OFERECE UM LEQUE DE CONTEÚDOS E OBJETIVOS A SEREM TRABALHADOS PODENDO SER UTILIZADO EM VÁRIOS SEGUIMENTOS. UTILIZEI ELE EM 2010 COM UMA TURMA DE 4 ANOS.
O PERCURSO FOI UMA DAS ATIVIDADES MAIS PRAZEROSAS DO PROJETO, POIS FOI ALGO QUE AS CRIANÇAS NUNCA HAVIAM VIVENCIADO, POR ISSO ELAS FICARAM MUITO CURIOSAS ENQUANTO EU ARRUMAVA O PARQUE.
ALÉM DISSO, NOTEI UMA PARTICIPAÇAÃO EFETIVA DE TODA A TURMA QUE SE DIVERTIU MUITO E APRENDEU CONCEITOS SOBRE A PRÁTICA DE EXERCÍCIOS FÍSICOS COMO POR EXEMPLO A MANEIRA ADEQUADA DE VESTIR-SE AO REALIZAR ESSAS ATIVIDADES.
OUTRO FATOR QUE ME CHAMOU ATENÇÃO FOI A COOPERAÇÃO COLETIVA POR PARTE DE TODA  TURMA QUE SOUBE ESPERAR, RESPEITAR A SUA VEZ E AJUDAR O AMIGO QUANDO NECESSÁRIO.
AO FINAL AVALIEI QUE A ATIVIDADE FOI MUITO SIGNIFICATIVA PARA AS CRIANÇAS, PRINCIPALMENTE PELO PRAZER EM EXECUTAR O QUE FOI PROPOSTO, MAS TAMBÉM POR PROPORCIONAR A ELAS ALGO DIFERENTE DA ROTINA QUE ESTÃO ACOSTUMADOS. A DEVOLUTIVA POR PARTE DAS CRIANÇAS FOI PEDIR QUE ELES PUDESSEM REALIZAR ESSA ATIVIDADE MAIS VEZES E É CLARO QUE EU ATENDI AOS PEDIDOS.


About these ads

2 respostas para “O MOVIMENTO NA ROTINA DA EDUCAÇÃO INFANTIL

  1. ANA MARIA disse:

    É ISO AI SUCESSO GAROTA,ESTOU ACHANDO MUITO LEGAL, PARA TER IDEIAS DO QUE FAZER

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: